Bem-vindo (a) ao site do Porvir

Aqui, mapeamos, difundimos e promovemos a troca de práticas educacionais inovadoras

Boas inspirações!

Crédito: efks / Fotolia.com

Inovações em Educação

Coursera fala português e terá USP e Unicamp

Plataforma firma parceria com universidades brasileiras e também oferecerá cursos para professores da educação primária e secundária

por Vinícius de Oliveira 17 de setembro de 2014

O Coursera, plataforma de ensino on-line que oferece MOOCs  (Cursos On-line Abertos Massivos, na sigla em inglês) de 110 universidades do mundo, começa neste mês a falar português e anunciou nesta quarta-feira (17) uma parceria com a USP (Universidade de São Paulo) e a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) para marcar presença no Brasil. Os primeiros cursos com a grife das instituições estarão disponíveis no começo de 2015, uma novidade que vai ao encontro do que o Porvir publicou no início do mês de agosto.

A USP começa no Coursera com Fundamentos e Linguagem de Negócios (The Blue Side Up)Origens da Vida no Contexto CósmicoHistória da Contabilidade e O Sistema Previdenciário Brasileiro: Características e Aspectos Distributivos. Por sua vez, a Unicamp estreia com os temas Processamento Digital de Sinais e O Empreendedorismo e as Competências do Empreendedor. Em ambos os casos ainda não há data exata para o início dos cursos, mas já é possível manifestar interesse para ser avisado por e-mail.

O Brasil superou recentemente a marca de 300 mil usuários no site, o que o coloca como quinta maior base de usuários, atrás apenas de Estados Unidos, Índia, China e Reino Unido. “Queremos derrubar barreiras para o ensino de qualidade, porque os empregos que vão existir amanhã no Brasil e ao redor do mundo não são aqueles de hoje, e aquilo que as pessoas aprenderam na faculdade há 15 anos atrás já não é suficiente”, disse Daphne Koller, cofundadora e presidente do Coursera, em evento realizado em São Paulo. Koller afirmou que a empresa pretende se situar estrategicamente no novo cenário em que a personalização do ensino ganha força (Veja aqui o especial do Porvir sobre o tema) e o ambiente virtual aparece integrado com as aulas presenciais. “O conhecimento básico será adquirido on-line, no ritmo e na hora em que o aluno desejar, até que domine habilidades básicas para que chegue na aula e o professor o ajude a solucionar problemas, debater e argumentar”, explicou.

Além da chegada dos novos MOOCs com a ajuda das duas principais universidades do país, o Coursera oferecerá, em parceria com a  Fundação Lemann, cursos de desenvolvimento profissional para professores da educação primária e secundária. O primeiro deles é Gestão Estratégica, que começa em abril de 2015. A instituição brasileira já comanda uma comunidade responsável por traduzir para o português as aulas de 28 cursos existentes no site em outras línguas.

O pró-reitor da Unicamp João Frederico Meyer afirma que, com a chegada da nova plataforma, caem por terra argumentos típicos usados por professores no ensino tradicional, como “neste semestre não terminei o programa” e “até o fim do mês não terei dado toda a matéria”. “O professor passa a ser o criador do ambiente no qual o aluno é sujeito do seu próprio processo de aprendizagem”, disse. Meyer também lembra que o ensino on-line serve para quebrar o paradigma da aula presencial que, dentre outros problemas, limitou a expansão o ProFis (Programa de Formação Interdisciplinar Superior). O projeto dá formação geral em dois anos e garante acesso automático ao ensino superior, mas a universidade enfrenta dificuldade em atender a alta demanda. “Agora vamos dobrar o Cabo das Tormentas e transformá-lo em Cabo da Boa Esperança”, compara.

Segundo o pró-reitor de pesquisa da USP José Eduardo Krieger, as novas plataformas de ensino on-line abrem novas perspectivas e podem ajudar a universidade a “lidar com um grande dilema em que a sociedade cobra expansão vagas e os recursos para espaços físicos e estrutura já passaram do limite”. Além disso, de acordo com ele, o apoio do big data, com raio-x completo do que é assimilado por alunos, também trará impacto nos cursos atuais de direito, engenharia e medicina, e o professor poderá finalmente fazer a diferença. “Eu costumo dizer que os alunos fazem um esforço tremendo para entrar na universidade e se contentam com a gente dando uma aula enciclopédica, onde a diferença de um professor de instituição de classe mundial nem aparece. Na medida em que a forma tradicional de ensino é quebrada, ela nos força a ver isso”, disse.

Coursera fala português e terá USP e UnicampCrédito: divulgação

* Atualização: Foram acrescentados ao segundo parágrafo deste texto os primeiros cursos a serem oferecidos por USP e Unicamp, totalmente em português. No quarto parágrafo, foi adicionado o link para Gestão Estratégica, curso promovido pela Fundação Lemann. Os atuais cursos do Coursera têm interface em inglês e videoaulas com opção de legenda em português.

Veja abaixo os cursos com início em setembro, outubro e novembro pelo Coursera com videoaulas legendadas em português

–       Aprendizagem automática – Stanford University – 22 de setembro
–       Desenvolvimento de ideias inovadoras para novas empresas – University of Maryland – 29 de setembro
–       Introdução à lógica – Stanford University – 29 de setembro
–       Introdução ao pensamento matemático – 29 de setembro
–       Fundamentos da estratégia de negócios – University of Virginia – 6 de outubro
–       História da internet, tecnologia e segurança – University of Michigan – 6 de outubro
–       Introdução às finanças – University of Michigan – 6 de outubro
–       Modelos de pensamento – University of Michigan – 6 de outubro
–       As ferramentas do cientista de dados – Johns Hopkins University – 6 de outubro
–       Compositor de canções – Berklee College of Music – 13 de outubro
–       Design: a criação de artefatos na sociedade – University of Pennsylvania – 20 de outubro
–       Fundamentos das práticas de ensino para aprendizagem 2: ser um educador – Commonwealth Education Trust  – 20 de outubro
–       Princípios de microeconomia – University of Illinois at Urbana-Campaign – 20 de outubro
–       Linguagem R – Johns Hopkins University – 3 de novembro
–       Uma introdução à saúde global – University of Copenhagen – 4 de novembro

TAGS

coursera, educação online, ensino superior, mooc, novas certificações, stanford, tecnologia, unicamp, usp

  • Pingback: Grandes universidades do mundo já falam português no Coursera | Porvir()

  • Pingback: Coursera fala português e terá USP...()

  • Juliana Beatriz Venancio

    Tem alguma coisa de errada nessa notícia.
    Comentaram que os cursos são em português.
    Fiz a minha inscrição mais está tudo em inglês.

    Aguardo retorno.

  • ANTONIO ZANETTI JUNIOR

    Brilhante e oportuna iniciativa.
    A difusão democrática do conhecimento com certeza é uma ponte real para aproximação dos homens e, por consequência, uma forma de promover o entendimento global e a paz.

    Parabéns

    ZanettiJr

  • Ricardo Dantas Pacheco

    Fico feliz em saber que instituições como essa, tem dado oportunidades a todos aqueles que de alguma forma, querem obter novos conhecimentos e se pré-dispõe a novos formatos de ensino… Parabéns a todos que disponibilizam essas novas portas para o saber!!!

  • Sula

    Eu já fiz minha inscrição gratuita no curso Modelos de Pensamento, e fiquei com dúvida quanto ao certificado. Eu tenho que já pagar por ele ou faço o curso e depois pago?

  • Taciana de Carvalho Oliveira

    Olá,tudo bem?
    Quanto às aulas, tem um horário específico pra ver os vídeos, ou fica a critério do aluno?
    Obrigada!

    • Por Vinícius de Oliveira

      Olá, Taciana.
      Alguns cursos tem uma agenda intensa, com prazos fixos para responder questionários e exercícios. Outros, deixam o aluno estabelecer o próprio ritmo

      Atenciosamente,
      Vinícius

  • Roberto

    3 cursos que cliquei estão disponíveis apenas em inglês

  • Roberto

    Vi agora que pode alterar o idioma em “settings”.
    Ainda não conferi o curso, mas as páginas de descrição dos cursos apenas os títulos dos tópicos estão traduzidos.

    Outra coisa que a matéria omitiu é que para obter o certificado tem que pagar (rs). No curso que verifiquei, o valor é de US$ 39,00.

    Nada contra pagar um valor baixo para estudar, mas é o velho problema da mídia que omite informações para levar a massa de usuários para realizar pageviews.

    Somos gado. Só falta o ferro quente marcar nossa bunda com o logo do site.

  • MARIA DE FATIMA DIAS MENDES GARCIA

    Fiz graduação em Administração e MBA em Captação de recursos Financeiros através de aulas semi presenciais. Ou seja, você estuda on line e fazia provas presenciais em encontros mensais com duração de dia. Acho a melhor opção para quem não quer perder tempo com trânsito além de estudar na segurança do seu lar e com conforto. Ressalto que é preciso muita disciplina.
    Ouvi a noticia ontem na CBN e acabei de fazer a minha inscrição para o primeiro curso na Universidade de Stanford (com legendas em português e gratuito).

    • Por Vinícius de Oliveira

      Obrigado por visitar o Porvir, Maria. Esperamos que você goste dos cursos

      Atenciosamente,
      Vinícius

  • Fernanda Lima

    Oi, boa tarde!
    Gostaria de saber como funciona, como faço a inscrição, quando começa o curso?
    no aguardo de um retorno
    Obrigado

  • maria do carmo da silva

    Achei maravilhosa essa inciativa !! sou estudante de pedagogia e me interessou muito o curso de Fundamentos das práticas de ensino para a aprendizagem 2 ser um educador .

    Como posso participar é aberto a tds como funciona ?

    • Por Vinícius de Oliveira

      Olá, Maria.
      A matéria foi atualizada. Esses cursos são gratuitos, com interface em inglês e videoaulas com opção de legenda em português. Ao completar o curso, você recebe uma declaração de conclusão. Você só paga, se quiser, o certificado verificado.

      Cordialmente,
      Vinícius

  • Matheus Di Felippo Fabricio

    Gostaria de saber se esses cursos apresentados no site validam algum tipo de certificado.

    Obrigado

  • Pingback: Grandes universidades do mundo já falam português no Coursera - Blog Informa()

  • Stéphanie Suconic

    Olá, eu gostaria de ser informada por e-mail sobre os cursos USP e UNICAMP, é por aqui mesmo? Como faço?

  • Fabiana

    Fui fazer a inscrição do curso Saúde global mas tem que pagar U$ 49,00. Não era grátis?

    • Por Vinícius de Oliveira

      Olá, Fabiana
      Os cursos são gratuitos, assim como uma declaração de conclusão. Você só paga, se quiser, o certificado verificado.

      Cordialmente,
      Vinícius

  • gostaria alguma coisa na area de gatronomia

  • Por gentileza, gostaria de informações sobre os cursos a serem disponibilizados pela USP e UNICAMP, seu início e como se cadastrar nessa modalidade.

    Muito interessado, inclusive familiares.

    Atenciosamente,
    Miguel Leme

  • Maria Aparecida Moraes

    Quais as instruçôes para fazer os cursos? Esses cursos são pagos? Obrigada.

  • Dev

    I precisely wehsid to thank you a lot yet once more. I’m not necessarily certain what I might have performed in the absence of the ideas shown by simply you regarding this case. This is a huge frustrating scenario many people feel, nevertheless finding out the well-written technique you treated the situation made me to weep for gladness. Now now i’m happy to the information after which it trust you understand what a fantastic job that you’re undertaking training the below average ones all through an internet site. Probably you haven’t run into any of us.

  • Pingback: Hello world! | elearningclub()

  • Coursera fala português e terá USP e Unicamp

  • Pingback: As 14 matérias mais lidas no Porvir em 2014 | PORVIR()