Bem-vindo (a) ao site do Porvir

Aqui, mapeamos, difundimos e promovemos a troca de práticas educacionais inovadoras

Boas inspirações!

crédito spql / Fotolia.com

Diário de Inovações

‘Professor precisa acreditar no recurso tecnológico’

Educadora aborda no Diário de Inovações o uso de mídias na educação e conta sobre o blog que criou para compartilhar experiências

por Fernanda Tardin 22 de outubro de 2014

Em maio de 2009 criei o “Blog Utilizando as Mídias na Educação” com a finalidade de construir um espaço de interação e troca de experiências entre os professores da minha escola, onde pudéssemos refletir sobre o uso das mídias na educação. Postando textos, vídeos, dicas de sites e blogs, entrevistas, jogos educacionais e muito mais, o objetivo era enriquecer e diversificar o processo de ensino e aprendizagem.

O blog nos permite compartilhar descobertas e aprender com colegas de vários cantinhos do Brasil. Podemos utilizá-lo como fonte de pesquisa e formação (confira as entrevistas, textos, vídeos e jogos). Em um dos posts, por exemplo, compartilho a dica que descobri no blog de uma professora de São José dos Campos, incluindo atividades on-line para reforçar conteúdos de ciências. É possível constatar a interação de professores do Amapá, Rio de Janeiro, Ceará, São Paulo e Santa Catarina.

Tecnologia Educação Diários de InovaçõesCrédito: Divulgação

Particularmente em 2010 e 2011 utilizei alguns jogos educacionais postados no blog para organizar uma Olimpíada Interna de Jogos Digitais na escola, baseada na OJE (Olimpíada de Jogos Digitais e Educação), da qual nossos alunos ainda não podiam participar. Dividimos as turmas em equipes e disponibilizamos as regras e os jogos que seriam utilizados.

Os alunos utilizavam as aulas de Laboratório de Informática para praticarem. A olimpíada foi dividida em duas fases: a 1ª fase (classificatória) aconteceu entre as equipes de cada turma, onde foi selecionada a equipe que mais pontuou; já a 2ª fase (final e premiação) aconteceu entre as equipes representantes de cada turma. A participação e o aprendizado foram os destaques na atividade.

Gosto sempre de reforçar que não existe recurso tecnológico que substitua a atuação do professor. Se for para utilizar só por utilizar, é melhor que não o faça. Os recursos vêm para enriquecer, aprimorar, diversificar o ensino, mas o professor tem que acreditar no seu uso. Ele deve identificar o momento certo e sentir-se seguro para aplicá-los. A eficácia parte da postura do professor em aplicar o recurso digital. É essa mediação que vai fazer toda a diferença nos resultados obtidos.

Fernanda Tardin

É articuladora pedagógica no Instituto de Educação Eber Teixeira de Figueiredo, em Bom Jesus do Itabapoana (RJ). Bacharel em Ciências Contábeis, licenciada em Matemática e pós-graduada em Mídias na Educação pela UFRJ, ela criou o "Blog Utilizando as Mídias na Educação" para compartilhar dicas e experiências com outros professores.

TAGS

jogos, tecnologia