Prêmio irá valorizar ações de incentivo à leitura - PORVIR
nuvolanevicata / Fotolia.com

Inovações em Educação

Prêmio irá valorizar ações de incentivo à leitura

Grupo RBS e da Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho vão contemplar educadores e estudantes com até R$ 15.000

por Redação ilustração relógio 16 de junho de 2014

Estão abertas as inscrições para a segunda edição do Prêmio RBS de Educação. Promovido pelo Grupo RBS e pela Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho, a iniciativa busca valorizar educadores que desenvolvem projetos de incentivo à leitura e escrita em escolas, públicas e privadas, do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Com a nova categoria, Jovens Protagonistas, este ano o prêmio também irá financiar projetos de estudantes que tenham interesse em promover ações de fomento à leitura em espaços públicos.  As inscrições podem ser feitas até o dia 18 de julho.

O prêmio é dividido em três categorias principais: escola pública, escola privada e jovens protagonistas.  Nas duas primeiras modalidades, podem se inscrever projetos de quaisquer disciplinas, não se restringindo apenas às disciplinas de português e literatura. Para participar, professores de todas as áreas de conhecimento e educadores – bibliotecários, técnicos administrativos, gestores e demais profissionais­ – devem enviar para a coordenação do prêmio um relato com a descrição da experiência de leitura desenvolvida. Esse relato deve apresentar o contexto de realização do trabalho, o modo como os aluno foram envolvidos no projeto, exemplos de atividades desenvolvidas, reflexões e considerações finais.

Para a nova categoria destinada aos estudantes, podem participar jovens de 14 a 24 anos, matriculados na educação básica pública ou privada, dos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. Eles devem apresentar uma proposta com a situação que pretendem transformar, os objetivos do projeto e o que é preciso ser feito para desenvolver a ação, incluindo a listagem do material necessário, apresentação de pessoas envolvidas na realização e o cronograma de atividades.

O processo de seleção irá acontecer em duas etapas. Na primeira, são escolhidos 16 finalistas que receberão R$ 1.500 cada um, sendo seis de escolas públicas, seis de escolas privadas e quatro estudantes. Na segunda etapa, as categorias 1 e 2 (escola pública e escola privada) serão avaliadas por uma comissão julgadora e pelo júri popular. Os vencedores serão premiados com o valor de R$ 11.000 e as suas escolas com R$ 6.000. Já os projetos de estudantes, irão passar apenas pela votação popular, que será disponibilizada no site do prêmio. Eles receberão R$ 15.000 para desenvolver o seu projeto no decorrer de 2015.

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas pelo site www.premiorbsdeeducacao.com.br. Após o cadastro, o participante receberá um e-mail com login e senha para participar do curso on-line “Leitura para Entender o Mundo”, que apresentará informações sobre leitura, papel do mediador e estratégias para que os interessados possam aprimorar seus projetos.


TAGS

prêmios

Deixe um comentário

avatar
500
  Acompanhar a discussão  
Tipo de notificação