Afegã que criou escolas secretas para meninas vence Prêmio WISE - PORVIR
Crédito: Afghan Institute of Learning

Inovações em Educação

Afegã que criou escolas secretas para meninas vence Prêmio WISE

Professora Sakena Yacoobi, de 65 anos, enfrentou a milícia radical Taleban e é responsável por instituto que já teve 12 milhões de beneficiários

por Redação ilustração relógio 5 de novembro de 2015

A afegã Sakena Yacoobi, 65, fundadora e presidente do Instituto Afegão de Aprendizagem (do inglês, Afghan Institute of Learning), recebeu nesta quarta-feira (4) o Prêmio WISE por seu impressionante trabalho pela educação no Afeganistão. A honraria foi entregue em Doha, no Catar, durante a sétima Cúpula Mundial de Inovação para Educação, que acontece entre os dias 3 e 5 de novembro.

Sakena começou seu trabalho como educadora nos anos 90, quando tomou conhecimento da realidade dos campos de refugiados afegãos no Paquistão. Durante seu trabalho nesses locais, preparou professores, fundou escolas para crianças e centros de educação para mulheres. Em 1995, criou o Instituto Afegão de Aprendizagem, que tem por objetivo a melhoria da formação de professores a partir da inovação.

Leia também: Malala, a jovem que ganhou o Nobel da Paz pelo direito de meninas irem à escola

Dr SakenaCrédito: Afghan Institute of Learning

 

Quando a milícia radical Taleban proibiu a educação de meninas, Sakena colaborou na criação de escolas secretas para 3.000 para elas por todo o país. O Instituto Afegão de aprendizagem também foi a primeira organização a inaugurar centros para mulheres no país. Atualmente continua a promover o letramento e habilidades vocacionais para meninas e mulheres.

Sob liderança da “mãe da educação”, como Sakena ficou conhecida no Afeganistão, o instituto já levou educação e cuidados de saúde a mais de 12 milhões de beneficiários em áreas rurais e marginalizadas do Afeganistão. Mais recentemente, a organização abriu escolas privadas, que oferecem educação de qualidade de forma acessível, e investiu em novas formas de disseminar a educação, como a fundação de uma rádio, que transmite conteúdos educativos para áreas remotas do país. A organização planeja ainda a criação de uma rede de televisão e uma universidade para mulheres.

Ao receber o Prêmio WISE para a educação, Sakena disse que “se sentia honrada e abençoada. Este Prémio tem um significado especial devido às circunstâncias decisivas na atualidade afegã. A minha gente vive em terror e em pobreza. Estão em sofrimento e se sentem sem esperança. Porém, este prêmio é uma luz. Sabemos que podemos continuar a educar mais e mais afegãos, dando esperança e incentivando-os a seguir em frente, independentemente do que enfrentam. Este é um presente muito especial para mim e eu gostaria de dedicar o Prêmio ao Instituto Afegão de aprendizagem e a todas as mulheres, homens e crianças que estamos a educar”.

Veja abaixo o vídeo da palestra TED em que Sakena Yacoobi conta sua história

Conheça: InnoveEdu –  96 experiências inovadoras em educação pelo mundo


TAGS

equidade, gênero, prêmios, wise

Deixe um comentário

avatar
500
  Acompanhar a discussão  
Tipo de notificação