Team Academy traz novo olhar para curso de negócios - PORVIR

Inovações em Educação

Team Academy traz novo olhar para curso de negócios

No Brasil, empreendedores finlandeses querem, até 2015, criar universidade que aposta em aprendizado por experiências reais

por Patrícia Gomes ilustração relógio 27 de fevereiro de 2013

Quando um empreendedor resolve, enfim, dar a cara a tapa e abrir a sua própria empresa, por mais que ele tenha se formado em uma universidade voltada para negócios, não é raro que ele se sinta perdido, sem saber nem por onde começar. Para um grupo de finlandeses que tem espalhado sua metodologia pelo mundo, isso não precisa ser assim. Em cursos de diversos formatos, voltados para universitários e empresas, a Team Academy ensina os jovens profissionais a tocarem seus empreendimentos a partir da premissa de que não há melhor forma de aprender do que fazendo a teoria virar prática. Eles acabam de chegar ao Rio de Janeiro e têm planos audaciosos no Brasil.

“Nós estamos usando 20 anos de experiência com nossos pilotos no Brasil. Estamos tentando criar aqui um ecossistema favorável ao empreendedorismo e à liderança em equipe”, diz Anita Baggio, uma das líderes da Team Academy Brasil. Em países onde a instituição já está há mais tempo, como na Espanha ou em outros países europeus, eles oferecem um curso universitário mesmo, no qual os alunos criam uma empresa no primeiro dia de aula e são responsáveis por fazê-la se tornar um negócio bem sucedido ao longo da universidade.  “Não temos uma prova. Temos 360 avaliações ao longo do ano e consideramos, principalmente a satisfação do cliente”, afirma a finlandesa Henna Kaariainen, que também integra o time brasileiro.

Team Academy tem planos ambiciosos para o Brasilcrédito lunamarina / Fotolia

Mas em países onde a instituição ainda está se constituindo, como Brasil, China e Índia, a Team Academy traz cursos e organiza eventos sem certificação oficial. Por enquanto, porque os planos são audaciosos por aqui. “Nós queremos trazer isso que o Rio de Janeiro está fazendo no Gente para as universidades”, diz Anita, referindo-se à iniciativa da Secretaria Municipal do Rio de ter acabado de lançar uma escola sem salas, séries ou disciplinas, na qual os alunos se reúnem em equipes para aprender.

A intenção da Team Academy é, até 2015, conseguir estabelecer uma universidade no Brasil para formar empreendedores – ou “teamempreendedores”, como preferem chamar – baseados nesse modo de ensino com pouquíssimas aulas teóricas e muita mão na massa. “No ensino tradicional, as pessoas te dizem o que estudar. Nós não. Acreditamos no aprendizado proporcionado pelo trabalho em equipe e não no que só quer saber se você lembra do que está no livro”, afirma Anita. Para que isso aconteça, o Ministério da Educação precisa dar o aval para a proposta da Team Academy.

Enquanto isso, a equipe se prepara para abrir uma turma no Rio voltada a professores, profissionais já colocados no mercado de trabalho e líderes de empresas. O curso, que tem o encontro de apresentação nesta sexta-feira na PUC-Rio, tem como objetivo fazer os participantes entender os problemas por que passam em seu cotidiano do trabalho a partir de uma ótica Team Academy. Sobre o que é exatamente essa ótica, Mikael Hirvi, um dos responsáveis pelo curso, explica que ela passa por fazer com que pessoas se reúnam em equipes – e não em meros em grupos –, que tornem o trabalho um local propício para aprendizado e tenham a habilidade de promover o diálogo.

Durante o curso, os participantes vão falar sobre desafios que enfrentam em seu dia a dia, como as formas de liderar uma equipe e o compartilhamento de informações e conhecimento. Com os colegas, eles vão descobrir formas inovadoras de lidar com esses pontos, com dicas de como trabalhar em equipe, agradar os consumidores e desenvolver estratégias de mercado. Eles aprenderão ainda a metodologia da Team Academy e poderão se tornar multiplicadores do conceito. Depois da apresentação desta semana, que é gratuita, o curso começa oficialmente em junho com um módulo expedicionário à Team Academy em Mondragón, na Espanha. Na sequência, os encontros ocorrerão no Rio de Janeiro em mais cinco módulos, de três dias cada, ao longo de um ano e meio. O custo do curso é de 9.000 euros. As incrições podem ser feitas por aqui.


TAGS

empreendedorismo

1
Deixe um comentário

avatar
500
0 Comentários ao conteúdo
0 Respostas a comentários
0 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Comentário em alta
0 Autores
Quem acabou de comentar
  Acompanhar a discussão  
Mais recentes Mais antigos Mais votados
Tipo de notificação