EUA: Maioria dos aplicativos educacionais não atende critérios mínimos de privacidade - PORVIR

Saiu na Mídia

EUA: Maioria dos aplicativos educacionais não atende critérios mínimos de privacidade

por Redação ilustração relógio 4 de junho de 2018

Um estudo feito nos Estados Unidos pela organização sem fins lucrativos Common Sense descobriu que apenas 10% dos mais de 100 aplicativos e serviços de tecnologia educacional avaliados atendiam aos critérios mínimos de transparência e qualidade em suas políticas de privacidade.

A pesquisa descobriu o que a Common Sense chamou de “falta generalizada de transparência, bem como práticas inconsistentes de privacidade e segurança” em sua análise de três anos sobre como as informações dos alunos são coletadas, usadas e divulgadas em alguns dos aplicativos e serviços mais populares.

No estudo, “transparência” refere-se à possibilidade fornecedores de tecnologia educacional estarem abertos à divulgação de certas práticas, ou se explicitamente permitem essas atividades, incluindo marketing de terceiros, publicidade comportamental, rastreamento de usuários ou criação de perfis para fins publicitários.

A seleção das 100 empresas de tecnologia de ponta foi baseada em relatórios de cerca de 140 escolas e distritos em um consórcio que trabalha com a Common Sense, bem como na identificação de alguns dos produtos mais populares em lojas online e aqueles listados no site Common Sense.


Leia a matéria original em EdWeek

TAGS

aplicativos, tecnologia

Deixe um comentário

avatar
500
  Acompanhar a discussão  
Tipo de notificação
X