Nas faculdades federais, só 10% estudam fora do Estado de origem - PORVIR

Saiu na Mídia

Nas faculdades federais, só 10% estudam fora do Estado de origem

por Redação ilustração relógio 17 de outubro de 2018

A crise econômica tem feito com que estudantes que tentam vaga em universidades públicas pensem duas vezes antes de mudar de estado. A reportagem traz dados do MEC (Ministério da Educação)  que mostram que, em 2017, apenas 10% dos ingressantes em faculdades federais foram estudar em uma instituição fora do Estado de residência.

Se um dos objetivos da mudança do Enem, em 2009, e da criação do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) era democratizar o acesso ao ensino superior, a situação atual mostra que alunos necessitam programas de assistência, como moradia, transporte, alimentação e apoio pedagógico.

Por mais que a centralização em uma única prova tenha trazido benefícios financeiros para quem tenta mais de uma instituição, a falta de dinheiro derrubou a mobilidade. Antes da mudança, 1,5% dos ingressantes mudavam de Estado. Essa proporção chegou a 25%, em 2010, primeiro ano do sistema.


Leia a matéria original em Estadão

TAGS

ensino superior

Deixe um comentário

avatar
500
  Acompanhar a discussão  
Tipo de notificação