Bem-vindo (a) ao site do Porvir

Aqui, mapeamos, difundimos e promovemos a troca de práticas educacionais inovadoras

Boas inspirações!

Crédito: Jag_cz/Fotolia.com

Diário de Inovações

Professora recria cerimônia do Oscar para ensinar espanhol

Para ampliar o domínio da língua e debater temas atuais, alunos se transformaram em roteiristas, atores, figurinistas e diretores de cinema

por Ana Maria Gimenez 19 de abril de 2017

Sou professora de espanhol e adoro cinema. Em uma conversa com a turma do ensino médio, percebi que eles também gostavam muito de filmes e séries. A partir daí surgiu a ideia de ajudar os alunos a ampliarem o domínio da língua enquanto criavam projetos para serem apresentados em uma cerimônia do Oscar.

Desenvolvo essa atividade há três anos, envolvendo turmas do ensino médio e também do nono ano, que começou a participar do projeto agora. Como sempre acabávamos conversando na aula sobre séries e filmes, escolhemos trabalhar com a temática do cinema aliada ao dia a dia deles.

Organizamos alguns grupos e os alunos fizeram a escolha de um filme ou série para ser trabalhado durante todo o ano. Entre as opções, apareceram nomes como Branca de Neve, O Silêncio dos Inocentes, Chaves, The Walking Dead e The Game of Thrones.

Deixei a turma livre para escolher o filme que desejava trabalhar. Como eles eram adolescentes, eu não poderia exigir um clássico. Quando os alunos faziam a escolha de um filme ou série que eu ainda não conhecia, corria para ver. Eu precisava saber o que eles iriam falar.

oscar2Crédito: Arquivo Pessoal

Depois que os alunos escolhiam um filme e passavam para mim, os grupos começavam a fazer uma pesquisa completa sobre cada obra. Eles tinham que saber mais a sua história, premiações recebidas, filmografia de cada ator envolvido, trilha sonora, bilheteria e muitas outras curiosidades.

A partir da pesquisa, os alunos passavam para a segunda etapa do projeto. Nessa fase, eles escreviam tudo em espanhol e começavam a tirar dúvidas. Não poderia ser copia e cola, porque isso era descoberto imediatamente. Se tivesse faltando alguma coisa, eles perderiam pontos na premiação do Oscar.

Os alunos se aprofundaram bem nos trabalhos. Tanto que, em alguns momentos, tiveram até dúvidas se gostariam de continuar com os mesmo filmes, já que descobriram muitos detalhes sobre os bastidores deles.

Depois de uma pesquisa detalhada, eles começaram a chegar na etapa prática do cinema. A primeira produção foi um cartaz sobre a obra. Eles desenharam todas as informações e alguns chegaram a fazer fotografias caracterizados como os personagens do filme ou da série. Depois também tiveram que produzir uma propaganda curta para televisão.

Diferente da propaganda televisiva, que não contava muito sobre a história do filme, na etapa seguinte os alunos fizeram um trailer de cinema com mais detalhes. A partir daí, as produções continuaram. Eles reproduziram entrevistas de atores e chegaram até ao ponto de gravar o seu próprio filme, com duração entre 10 e 15 minutos. Tudo isso em espanhol.

Após quase um ano de trabalho, organizamos uma cerimônia de premiação nos moldes do Oscar, em que apresentamos todos os trailers. Quando os alunos chegaram à sala, encontraram as cadeiras separadas com os nomes dos respectivos filmes e séries. Mandei fazer algumas estatuetas de chocolate e coloquei os nomes dos vencedores dentro de envelopes lacrados. Dois alunos apresentaram a cerimônia e anunciaram os vencedores em diferentes categorias, como melhor filme, roteiro, trilha sonora, cenário, ator, atriz, maquiagem, entre outros.

Percebi que o interesse dos alunos pela aula aumentou depois dessa atividade. Eles também se desenvolveram e começaram a avaliar os filmes e séries de forma mais crítica.

Ana Maria Gimenez

Professora de espanhol do ensino fundamental 2 ao ensino superior. Formada na Espanha e em São Paulo. Tem experiência profissional  de 20 anos em sala de aula. Seu objetivo é tornar as aulas de espanhol cada vez mais criativas e diversificadas, fazendo com que os alunos pratiquem o espanhol e aprendam o idioma com prazer, desenvolvendo assim as suas habilidades e competências. Seus projetos focam temas atuais e do interesse do aluno, como cinema e séries​.  

TAGS

aprendizagem baseada em projetos, cinema, tecnologia