EdX anuncia adesão da Universidade de Georgetown - PORVIR

Inovações em Educação

EdX anuncia adesão da Universidade de Georgetown

Instituição bicentenária vai oferecer cursos a partir do ano que vem na plataforma, que já conta com mais de 500 mil usuários

por Redação ilustração relógio 10 de dezembro de 2012

A bicentenária Universidade de Georgetown anunciou ontem que, a partir do segundo semestre do ano que vem, passará também a oferecer cursos pelo edX, site que reúne aulas de nível superior e que foi lançado por duas das mais importantes universidades do mundo: Harvard e MIT. Em julho, passou a contar também com UC Berkeley; em outubro, foi a vez da entrada da University of Texas System e, na semana passada, o time ganhou a adesão do primeiro liberal arts college, o Wellesley. Agora, são seis as instituições que colocam disciplinas do seu currículo à disposição na internet.

“Ao aderir ao edX, nós estamos fazemos parte de um consórcio de instituições que estão na vanguarda do ensino superior”, disse o reitor John DeGioia ao anunciar a parceria. “Como uma universidade católica e jesuíta, nós trabalhamos nas fronteiras da educação e as fazemos encontrar as necessidades globais desde nossa fundação, em 1789.” Ainda não foram divulgados os cursos que a universidade vai oferecer pela plataforma, mas, no próprio site, o edX afirma que a atuação da Georgetown sempre foi destacada em áreas como relações internacionais, direito, medicina, enfermagem, administração, artes e ciência.

crédito Petair / Fotolia.com

 

A Georgetown tem campi em Washington, em Doha (Qatar), além de estar representada em Londres e em Xangai – característica que foi ressaltada por Anant Agarwal, presidente do edX, no anúncio da adesão. “Estamos felizes com a chegada da Georgetown ao edX. A universidade tem uma longa história de pesquisa e excelência educacional. Tem também uma importante presença no mundo, inclusive com a Escola de Relações Internacionais, no Qatar, e divide com o edX uma perspectiva global e a missão de expandir oportunidades educacionais”, afirmou.

Além dessa preocupação com a educação global, Georgetown também afirma que sua participação no edX tem também o objetivo de melhorar a experiência de aprendizado para os que já são alunos da instituição. “Nós compartilhamos o compromisso de fortalecer a experiência dos nossos alunos também no campus. Ao reunir as melhores técnicas de tecnologia avançada voltada para o aprendizado com o diálogo que ocorre na interação cara a cara, nós esperamos encontrar a medida ideal para que os estudantes experimentem a melhor aprendizagem possível”, disse Robert Groves, pró-reitor da Georgetown.

edX

Desde seu lançamento, no primeiro semestre deste ano, o edX já teve mais de 500 mil usuários. Hoje há oito cursos em andamento nas áreas de ciências da computação, ciências da saúde e química.

 


TAGS

educação online, edx, tecnologia

2
Deixe um comentário

avatar
500
0 Comentários ao conteúdo
0 Respostas a comentários
0 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Comentário em alta
0 Autores
Quem acabou de comentar
  Acompanhar a discussão  
Mais recentes Mais antigos Mais votados
Tipo de notificação