10 filmes e materiais pedagógicos sobre a luta indígena pelo meio ambiente - PORVIR
Ailton Krenak na mostra "Hiromi Nagakura até a Amazônia com Ailton Krenak" - Crédito: Tânia Rego/Agência Brasil

Inovações em Educação

10 filmes e materiais pedagógicos sobre a luta indígena pelo meio ambiente

A equipe do canal CurtaEdu selecionou materiais voltados às diferentes etapas de ensino focados defesa dos povos originários em relação ao meio ambiente

por Ana Luísa D'Maschio ilustração relógio 22 de abril de 2024

Os povos indígenas e comunidades tradicionais são os melhores guardiões das florestas da América Latina e do Caribe. A definição vem do relatório “Povos indígenas e comunidades tradicionais e a governança florestal”, realizado pela FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura), ao lado do FILAC (Fundo para o Desenvolvimento dos Povos Indígenas da América Latina e do Caribe).

A despeito do documento, a relação entre os povos originários e a defesa do meio ambiente é milenar. Debater como o conhecimento ancestral se refere à proteção à natureza é tarefa urgente da escola, como mostrou o Porvir em recente especial

📳 Inscreva-se no canal do Porvir no WhatsApp para receber nossas novidades

“As crianças precisam se entender como parte da natureza para que se tornem críticas, reflexivas sobre suas vidas e seu papel no mundo”, sugere Txai Suruí, líder indígena ativista brasileira da etnia suruí, entrevistada pela reportagem.

Para entender como o cinema pode mediar os estudos em sala de aula, o Porvir convidou a equipe do canal CurtaEdu para selecionar filmes de seu acervo. Um dos documentários escolhidos é “Ailton Krenak – O Sonho da Pedra”, que retrata a trajetória do líder indígena – também presente em outros títulos da lista. “As comunidades indígenas fazem um serviço voluntário de conservar a biodiversidade nos seus territórios”, assegura.

Confira a seguir a seleção de documentários que retratam a luta histórica das culturas originárias em prol da natureza. 

Educação infantil e ensino fundamental (anos iniciais)

As indicações são de animações da série Turma do Folclore, que reconta lendas do imaginário popular, utilizando histórias e clipes musicais. O projeto é de autoria de Rafael Beber e Guilherme Lage. Abaixo, é possível assistir aos vídeos na íntegra, diretos do canal oficial da série.

Lenda da Vitória Régia 

Animação, 3 minutos

Conheça a história da Vitória Régia, personagem da Turma do Folclore que passeia pelos rios da floresta com seus amigos Curupira, Iara, Saci e Caipora. Confira o material pedagógico do canal CurtaEdu para apoiar suas atividades.

Lenda da Mani Mandioca

Animação, 3 minutos

O desenho conta a história de Mani Mandioca, uma garota indígena que traz da terra um alimento muito importante para a sua aldeia e todos nós.


Lenda da Comadre Fulozinha 

Animação, 3 minutos

A personagem guerreira da Turma do Folclore é conhecida por ser a mãe da mata, que protege as árvores da floresta.

Relacionadas

12 obras para mergulhar na literatura indígena e levá-la à escola

ACESSAR

Daniel Munduruku: o professor deve se perguntar ‘Qual é o indígena que mora dentro de mim?

ACESSAR

Baixe o e-book e planos de aula “Futuro Ancestral na escola”

ACESSAR

Ensino fundamental (anos finais)

Filmes disponíveis no canal CurtaEdu. Educadores têm acesso gratuito, mas após sete dias será debitado o valor de R$ 19,90 pela assinatura mensal.

Gente de Verdade 

Documentário, 2013, 23 minutos. Diretora: Marcia Paraíso

Os indígenas do povo Suruí Paiter (na tradução para o português, “gente de verdade”) vivem em Rondônia e têm a tradição da cantoria e do uso da flauta de taquara para relatar o cotidiano. A cerimônia da chicha, quando os dois clãs que habitam a mesma aldeia se encontram e, por meio da música se desafiam, é um acontecimento de resistência cultural de um povo que manteve sua língua e muitas de suas tradições ancestrais.

Colônia – Selvagem, quem?

Documentário, 2023, 26 minutos. Diretora: Beca Furtado

O episódio aborda o choque cultural que os povos nativos e os portugueses vivenciaram na colônia brasileira. São reveladas estratégias além do escambo, adotadas pelos primeiros colonos.

Terra Justa 

Documentário, 2015, 26 minutos. Diretora: Mariana Fagundes

O episódio registra diferentes realidades vividas pelos indígenas dentro e fora da Amazônia Legal (área que engloba nove estados do Brasil pertencentes à bacia Amazônica). O filme busca compreender as tensões que envolvem a problemática das terras tradicionais desses povos, além de esclarecer a violação de seus direitos, em um recorte temporal que vai da ditadura militar até os dias de hoje. Confira, também, o material pedagógico que pode apoiar o bate-papo pós-exibição do documentário.

Ensino médio

Filmes disponíveis no canal CurtaEdu. Educadores têm acesso gratuito, mas após sete dias será debitado o valor de R$ 19,90 pela assinatura mensal. Conheça outros conteúdos ligados à temática indígena na coleção Guardiões da Terra.

Piripkura

Documentário, 2017, 82 minutos. Diretores: Renata Terra, Bruno Jorge, Mariana Oliva

Dois indígenas nômades, do povo Piripkura (que está à beira da extinção), sobrevivem cercados por fazendas e madeireiros numa área ainda protegida no meio da floresta amazônica. Packyî e Tamandua vivem com um facão, um machado cego e uma tocha. Piripkura aborda as consequências de uma tragédia e revela a força, resiliência e autonomia daqueles que foram expostos a todo tipo de ameaça e têm resistido ao contato.

Lá tem outras flores 

Documentário, 2019, 26 minutos. Diretora: Mariana Fagundes

No cotidiano do Demini, aldeia Yanomami situada em Roraima, entre caças, colheitas e ritos tradicionais, alguns personagens se destacam pelas fronteiras que cruzam. Naquela floresta de cristais, Morzaniel é cineasta, Davi Kopenawa, escritor, Joseca desenha seus sonhos, e suas ilustrações de Xapiri já ganharam o mundo. Confira o material pedagógico que acompanha o documentário.

A Mãe de Todas as Lutas

Documentário, 2020, 84 minutos. Diretora: Suzanna Lira

Um documentário que recorre à memória para vislumbrar um futuro de mudanças sob a ótica feminina. O filme acompanha a trajetória de Shirley Krenak e Maria Zelzuita, mulheres que estão no front da luta pela terra no Brasil. O filme não pretende dar respostas, apenas deixar uma pergunta: “Que tipo de adubo você quer ser para a Mãe Terra?”, conforme questiona Shirley Krenak. O canal CurtaEdu também disponibiliza um material pedagógico para debate em sala de aula.

Ailton Krenak – O Sonho da Pedra

Documentário, 2017, 52 minutos. Diretor: Marcio Altberg

O documentário traça o pensamento e a trajetória de Ailton Krenak, líder indígena natural de Minas Gerais, descendente da etnia Krenak, outrora chamados Botocudos. Depois de estudar em São Paulo, Ailton foi atuante na defesa dos povos indígenas. Ao viajar pelo Brasil e pelo mundo, transformou-se numa espécie de embaixador das culturas originais brasileiras. O filme traz imagens e depoimentos de Ailton em diferentes momentos de sua vida, além de outros personagens que fazem parte de seu universo.


TAGS

cultura, educação indígena

Cadastre-se para receber notificações
Tipo de notificação
guest

0 Comentários
Comentários dentro do conteúdo
Ver todos comentários
Canal do Porvir no WhatsApp: notícias sobre educação e inovação sempre ao seu alcanceInscreva-se
0
É a sua vez de comentar!x