Por mais meninas na ciência, programa apoiará alunas que desenvolvem projetos STEM - PORVIR
Crédito: fstop123/iStock

Inovações em Educação

Por mais meninas na ciência, programa apoiará alunas que desenvolvem projetos STEM

Iniciativa do British Council selecionará até 30 projetos que promovam a participação de alunas do ensino fundamental e médio nas áreas científicas e tecnológicas. As inscrições seguem até fevereiro.

por Redação ilustração relógio 10 de janeiro de 2022

Há poucas semanas, o nome da jovem Geovana Ramos ganhou manchetes de jornais em todo o país. Com apenas 21 anos, a manauara que sonhava em ser astronauta se tornou astrônoma amadora, ao descobrir 46 asteroides e ser reconhecida pela NASA.

Fomentar o sonho de meninas como Geovana é o foco do programa Mulheres na Ciência, do British Council. Em parceria com a Fundação Carlos Chagas, a segunda chamada do edital Garotas STEM: formando futuras cientistas (sigla em inglês para Science, Technology, Engineering e Mathematics  – Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática, em português) segue até fevereiro. Além de apoiar o desenvolvimento científico e tecnológico, o objetivo é incentivar garotas para que sigam carreiras nas áreas de computação, engenharias, ciências exatas e naturais.

Podem ser inscritos projetos realizados por pessoas e instituições de todo o Brasil, desenvolvidos há pelo menos dois anos, que promovam a participação das estudantes do ensino fundamental e médio nas áreas científicas e tecnológicas. O apoio financeiro oferecido será de até R$ 15 mil para cada proposta.

Além do suporte em dinheiro, o programa oferecerá oficinas de treinamento pelo STEM Education Hub – parceria entre o King’s College London e o British Council para a cooperação entre Brasil e Reino Unido nas frentes de pesquisa.

De acordo com a gerente sênior de educação superior do British Council no Brasil, Vera Oliveira, o acesso de meninas e mulheres aos ambientes de produção do conhecimento científico é fundamental para o avanço da sociedade. “Nosso principal objetivo com as ações do Mulheres na Ciência é colaborar para o desenvolvimento de um ambiente encorajador, que estimule a criação de um ecossistema com maior participação das mulheres em carreiras em ciência e tecnologia”, afirma Vera.


2ª Chamada Garotas STEM
Período: até 06 de fevereiro de 2022
Inscrições: clique aqui
Avaliação dos projetos: 07 a 25 de fevereiro de 2022
Divulgação dos resultados: 07 de março de 2022


Leia também:
Pôsteres destacam o trabalho de mulheres na ciência e na tecnologia

Professora muda estratégia para aproximar meninas da matemática

 


TAGS

ciências, ensino fundamental, ensino médio, stem, tecnologia

Cadastre-se para receber notificações
Tipo de notificação
guest
0 Comentários
Comentários dentro do conteúdo
Ver todos comentários
0
É a sua vez de comentar!x
()
x
X