5 dicas para uma aula mais dinâmica - PORVIR
Alessandro Biascioli / iStock

Inovações em Educação

5 dicas para uma aula mais dinâmica

Ferramentas Google auxiliam no planejamento e implantação de aulas mais interativas para o ensino híbrido

por Redação ilustração relógio 15 de agosto de 2022

Mudar do modelo inteiramente remoto para um que comporte atividades presenciais requer um outro tipo de organização e planejamento. Para que as aulas sejam cada vez mais estimulantes, professores e professoras precisam buscar variadas formas de trabalhar atividades em sala. 

Um legado deixado pelo período de aulas a distância  é a possibilidade de usar ferramentas diversas e, com isso, garantir mais dinamismo na aula. O Google lançou recentemente o e-book “A sala de aula híbrida na prática“, com sugestões  para ampliar as possibilidades de ensino usando ferramentas da empresa, indicadas por educadores. Confira, abaixo, cinco dessas dicas: 

Escape Room

Você já deve ter ouvido falar desse jogo que é febre mundo afora. Nele, é preciso desvendar enigmas para avançar nos diferentes ambientes. É possível criar diversas atividades nesse mesmo modelo usando os Formulários Google e, assim, mesclar o que se aprende on e offline. O vídeo a seguir pode te ajudar a entender melhor a proposta. 

Escolhendo a própria aventura

É quando o professor pode criar um ambiente de aprendizagem personalizado, no qual o aluno é parte importante na construção e desenvolvimento de histórias e rotas. Essa lógica incentiva uma abordagem de aprendizagem no próprio ritmo do aluno. Além do Youtube, é possível usar o Apresentações e os Formulários Google para criar essas atividades. No vídeo abaixo, a empresa explica como fazer.

Jogo do lançamento

Produzido a partir do app de apresentações da Google, o jogo coloca os estudantes para navegar por rotas de desafios ou estágios de desenvolvimento de projetos. Esses desafios podem ser apresentações de projetos ou trabalhos, concluir uma lista ou construir algum produto. A Google disponibilizou um modelo adaptável para que educadores possam usar de diferentes maneiras em aula. Clique aqui e acesse.

Lista da geral

Educadores que querem dar mais protagonismo a seus estudantes podem sempre abrir espaço para que eles opinem e usem sua voz. Criar listas é uma forma de fazer isso. Com isso, é possível incentivá-los a pensar em soluções de problemas ou participar na elaboração delas. É uma forma de aprender não apenas sobre o conteúdo da disciplina, como também a respeito de colaboração. 

Confira um modelo com questões que podem ser propostas pelo professor. Aqui, um outro documento começando pela elaboração. Lembrando que eles precisam ser adaptados para a quantidade de alunos e inclusão de novas questões. 

Hyperdocs

Aqui o educador pode trabalhar usando documentos, apresentações e planilhas digitais. Usando um documento, o professor pode criar atividadesem grupo ou individuais. Quando, por exemplo, há um trabalho em grupo a ser feito, os estudantes podem colaborar mutuamente, mesmo que não estejam fisicamente no mesmo local. Em contextos de aula híbrida, esse tipo de ferramenta pode auxiliar bastante na promoção de engajamento dos alunos e no incentivo à colaboração.

Acesse o material completo e tenha novas ideias para uma sala de aula mais dinâmica. 


TAGS

dicas, educação infantil, ensino fundamental, ensino médio, tecnologia

Cadastre-se para receber notificações
Tipo de notificação
guest
2 Comentários
Mais antigos
Mais recentes Mais votados
Comentários dentro do conteúdo
Ver todos comentários
Conheça os professores homenageados na exposição do Porvir no Museu Catavento (SP)Saiba mais
2
0
É a sua vez de comentar!x
()
x