Ação reconhece escolas públicas que se destacam por boas práticas pedagógicas - PORVIR
Crédito: Divulgação / Instituto Natura

Inovações em Educação

Ação reconhece escolas públicas que se destacam por boas práticas pedagógicas

Professores e gestores escolares podem fazer a inscrição de iniciativas que contemplam práticas inclusivas, de participação da comunidade ou de aprendizagem dialógica

por Redação ilustração relógio 12 de setembro de 2017

Com a proposta de valorizar e disseminar boas práticas escolares, uma ação do Instituto Natura irá reconhecer o trabalho de escolas que se destacam por experiências inclusivas, de participação da comunidade ou de aprendizagem dialógica, que usam a interação e o diálogo para construir novos conhecimentos.

Até 29 de setembro, professores e gestores pedagógicos podem se inscrever para a “Ação de Reconhecimento: Escola de Qualidade Para Todos e Para Cada Um”, que destaca experiências realizadas em escolas municipais e estaduais de todos os segmentos da educação básica.

Em busca de iniciativas alinhadas aos conceitos do projeto Comunidade de Aprendizagem, que sensibiliza profissionais, alunos, famílias e comunidade do entorno para promover transformações na escola, a ação irá premiar os selecionados com a participação no Encontro Internacional de Comunidade de Aprendizagem, que acontece nos dias 23 e 24 de outubro, em São Paulo, e no curso de pós-graduação para Certificação de Formadores em Comunidade de Aprendizagem, que será realizado em 2018, em parceria com o Instituto Natura, a Universidade Federal de São Carlos (Ufscar) e a Universidade de Barcelona, na Espanha.

Além disso, as escolas dos vencedores serão contempladas com um encontro de formação e 30 volumes do livro “Aprendizagem Dialógica na Sociedade da Informação”, de Adriana Aubert, Ainhoa Flecha, Carme García, Ramón Flecha e Sandra Racionero. Para promover trocas de experiências entre as instituições, os selecionados ainda irão participar de um intercâmbio com o objetivo de conhecer o trabalho do outro ganhador.

Para participar da ação, professores e gestores escolares devem preencher um formulário pelo site do projeto contando, em até 30 linhas, sobre a ação desenvolvida. Mais informações estão disponíveis no regulamento.


TAGS

aprendizagem baseada em projetos, aprendizagem colaborativa, educação infantil, educação integral, engajamento familiar, ensino fundamental, ensino médio, inclusão

Deixe um comentário

avatar
500
  Acompanhar a discussão  
Tipo de notificação