Plataforma leva educação financeira às mulheres - PORVIR
Divulgação

Inovações em Educação

Plataforma leva educação financeira às mulheres

Finanças Femininas ajuda moças a organizarem as suas contas, aprenderem a gastar melhor e investir

por Vagner de Alencar ilustração relógio 14 de dezembro de 2012

Não, não é nenhum novo site de moda feminina com dicas de beleza e looks da estação.  Pelo contrário, é até possível encontrar imagens de batons, bolsas, sapatos, mas em vez de dicas do que combina com o que, na verdade, as mulheres vão se deparar com o que combina com o bolso, vão aprender a lidar com o INSS ou até mesmo a investir. Lançado há duas semanas, o Finanças Femininas se denomina o primeiro site gratuito de finanças para mulheres do Brasil e tem como propósito ajudá-las a se organizarem já que mais da metade delas admitem não ter habilidade para lidar com dinheiro.

O site foi idealizado pelas amigas Carolina Sandler e Ilana Bobrow: uma jornalista que cobriu durante anos o mercado financeiro e outra formada em economia e que trabalhou em bancos de investimentos. O projeto nasceu a partir de pesquisas extensas sobre como funciona o universo feminino quando o assunto é dinheiro. De acordo com o Censo 2010, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 38% das mulheres chefiam os domicílios brasileiros, ou seja, são elas quem pagam as contas da casa. Há dez anos esse número era de 29%.  Em contrapartida, um levantamento de 2011 da Sophia Mind, empresa de pesquisa e inteligência de mercado do Grupo Bolsa de Mulher, mostra que 75% delas admitem ter dificuldades em investir.

“Também vimos que os estudos mostram que as mulheres não se sentem representadas nos sites e revistas que tratam do assunto e que acabam não tendo interesse e hábito de cuidar das finanças, deixando o desafio para os maridos, pais ou irmãos”, afirma Carolina.

A plataforma é segmentada de acordo com o momento de vida das mulheres: solteira, vou me casar!, me casei!, filhos pequenos e me separei

Para tentar transformar essa realidade, as amigas decidiram criar editorias que tratam de assuntos jornalísticos sobre economia, cultura e também criaram ferramentas que ajudam a simular a gestão financeira. Além disso, a plataforma é segmentada de acordo com o momento de vida das mulheres: solteira, vou me casar!, me casei!, filhos pequenos e me separei. “Uma menina que está pensando em casar e quer saber quanto custa uma festa de casamento é completamente diferente de uma mulher que acabou de se separar e vai ter que assumir vida financeira e não sabe quanto gasta”, afirma Carolina.

Na editoria atualidades é possível encontrar notícias com assuntos variados sobre economia e mercado no Brasil e no mundo. A ideia é levar informações que podem ir desde investimentos em carteira até renda fixa e variável. “O objetivo é trazer luz a esses temas. Metade das mulheres, por exemplo, não sabe do que se trata renda variável”, diz Carolina. E a explicação do termo também está no site: “Tipo de investimento cuja remuneração ou forma de cálculo não é conhecida no momento da aplicação, ou seja, se alguém compra uma ação de uma determinada empresa, não há como saber se haverá um rendimento mínimo, já que a ação sempre pode cair e o rendimento ser então ser negativo.”

Enquanto isso, na editoria “economiza já”, as mulheres se deparam com dicas sobre como planejar as finanças, quais as melhores formas de gastar e poupar e quais são as escolhas mais conscientes. Já na seção bate-papo, há entrevistas com arquitetas, blogueiras e outras empreendedoras, que tratam sobre carreira, planejamento e dinheiro.

Outra seção é a cultura, com dicas de livros, filmes e outros sites sobre dinheiro, trabalho e vida. Além disso, há ainda um dicionário com termos financeiros usados no dia a dia nos jornais, para as mulheres que querem se familiarizar com o linguajar. Outra editoria é a simuladores. Nela, é possível aprender de forma mais prática como verificar se, por exemplo, vale mais a pena comprar um apartamento à vista ou financiado.


TAGS

gênero

7
Deixe um comentário

avatar
500
1 Comentários ao conteúdo
0 Respostas a comentários
0 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Comentário em alta
1 Autores
Priscila Quem acabou de comentar
  Acompanhar a discussão  
Mais recentes Mais antigos Mais votados
Tipo de notificação
Priscila
Visitante
Priscila

Adoro o Finanças femininas!! acho que todas as mulheres deveriam ter salvo nas páginas favoritos! Tem um outro site que eu gosto bastante também que tem vários artigos dando dicas para economizar , acho que vale a pena também dar uma olhada.