Plataformas liberam recursos para escolas fechadas durante pandemia do coronavírus - PORVIR
Crédito: Courtney Hale /

Coronavírus

Plataformas liberam recursos para escolas fechadas durante pandemia do coronavírus

Sistemas de gestão de aprendizagem oferecem kits com ferramentas para apoiar instituições de ensino que estão se preparando para oferecer aulas a distância

por Marina Lopes ilustração relógio 18 de março de 2020

Como estratégia para combater a rápida transmissão do coronavírus, escolas de mais de 100 países já estão fechadas. De acordo com comunicado emitido nesta quarta-feira (18) pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), 850 milhões de crianças e adolescentes estão sem aulas. No Brasil, desde o início da semana, instituições de todo o país começaram a suspender suas atividades. Diante da situação de emergência gerada pela pandemia, plataformas de gestão de aprendizagem começaram a liberar ferramentas para apoiar o ensino a distância e permitir que estudantes continuem aprendendo em casa.

Para apoiar escolas e educadores que começam a elaborar um plano de contingência, o Porvir reuniu atualizações de ferramentas e materiais que foram divulgados pelas principais plataformas de gestão de aprendizagem. Confira:

Google For Education
Além de oferecer acesso gratuito a uma série de recursos, como Hangouts (chamadas em voz e vídeo), Sala de Aula (gestão de aprendizagem), Apresentações e Documentos, o Google elaborou uma série de tutoriais para apoiar escolas e educadores a usarem suas ferramentas. Entre outros temas, eles trazem dicas para aprimorar o ensino a distância, criar aulas interativas e gerenciar trabalhos em grupo de forma virtual.

Canvas
A plataforma Canvas oferece suporte online e treinamento para equipes que precisam se estruturar para ofertar aulas a distância. Na página, também foram divulgadas dicas (em inglês) para planejar atividades no ensino superior e na educação básica.

Schoology
A plataforma Schoology reuniu uma série de recursos para apoiar escolas no plano de contingência. Entre eles, um webinário sobre o uso do aprendizado virtual durante emergências, artigos com dicas para planejar o aprendizado online e engajar os estudantes e um ebook que consultou 14 educadores sobre como manter o aprendizado durante o fechamento de escolas. Todos os materiais estão disponíveis em inglês.

Edmodo
Com recursos disponíveis para professores, alunos e pais, a plataforma Edmodo está promovendo webinários sobre como configurar classes para ensino a distância, elaborar atividades, avaliar os estudantes, desenvolver competências socioemocionais no ambiente online e promover viagens virtuais de campo. A organização também reuniu outras empresas de edtech para conversas no Twitter sobre estratégias de ensino à distância durante o período crítico. Por enquanto, esses conteúdos estão disponíveis em inglês e podem ser acompanhados pela hashtag #BetterTogether.

Microsoft Teams
Para manter organizações e escolas conectadas durante o COVID-19, a Microsoft está oferecendo acesso gratuito ao Microsoft Teams. A ferramenta é a central de trabalho em equipe do Microsoft 365, que possibilita conversar, fazer reuniões, ligações e colaborar a partir de um local seguro de trabalho. No Brasil, o Instituto Crescer está oferecendo capacitações gratuitas para os educadores trabalharem com essas ferramentas.

Nearpod
Além de oferecer acesso temporário à escolas que estão lidando com o fechamento como forma de prevenção ao vírus, a Nearpod também tem realizado webinários para apoiar os planos de contingência. A página apresenta ainda dicas sobre como manter alunos e famílias informados sobre o coronavírus e apresenta relatos de práticas de educadores que já tiveram que lidar com fechamentos imprevistos. Até o momento, os materiais estão disponíveis apenas em inglês, mas a plataforma permite que] escolas fora dos Estados Unidos também se cadastrarem na ferramenta.


TAGS

coronavírus, educação online, tecnologia

Deixe um comentário

avatar
500
  Acompanhar a discussão  
Tipo de notificação