Professor cria apresentações com 'cara de Netflix' para aula de ciências - PORVIR
Crédito: Reprodução

Diário de Inovações

Professor cria apresentações com ‘cara de Netflix’ para aula de ciências

Feito com slides, vídeos e interatividade para a turma do ensino fundamental 2, a parte teórica do "Resumiflix" foca nas sinopses e os filmes se transformam em vídeos relacionados à biotecnologia

por Luiz Fernando Santos ilustração relógio 29 de junho de 2022

A pandemia da Covid-19 trouxe diversas dificuldades para a sociedade em geral, e a educação não ficou fora disso. O resultado veio rápido: com pouco tempo de aulas remotas, tínhamos alunos e professores desmotivados. Comigo não foi diferente. Como professor, sempre fui muito preocupado com o engajamento dos meus alunos em sala de aula, por isso, durante o ensino a distância, procurei por formações e metodologias para tornar minhas aulas diferentes. 

Dentre os mais diversos aplicativos, o Google Slides sempre foi um dos mais presentes na minha aula. Entretanto, utilizar slides não parecia ser algo tão inovador e chamativo, foi então que surgiu a ideia de trazer uma experiência diferente. Pensei:  “E se o meu material de aula pudesse ter a mesma experiência de uso da Netflix?” Então nasceu o que nomeei de “Resumiflix”, um material feito de slides, porém com elementos de interação que trouxeram para a atividade uma experiência mais ativa. 

No Resumiflix, o aluno pode escolher a forma e a ordem para estudar o assunto central. Os elementos componentes de um serviço de “streaming” (tecnologia que permite assistir filmes, séries e músicas em qualquer lugar) foram adaptados para a atividade. Com isso, a sinopse se tornou a parte teórica do assunto, o filme foi adaptado para ser um vídeo relacionado ao assunto e a tela inicial, o local onde o aluno poderia escolher por onde começar a estudar. Além dessas adaptações, também utilizei animações, cores, recursos do próprio aplicativo e imagens que pudessem aproximar ao máximo o aluno da experiência.

Tela do projeto Resumiflix

Em toda a apresentação, foi utilizado o recurso de links, nos quais pude transformar objetos em botões de navegação do aplicativo. Com isso, os alunos podiam ir e voltar das páginas e escolher o que quisessem. Os vídeos presentes na atividade foram retirados do YouTube e, com isso, os alunos os assistiam sem sair do slide.

A atividade foi realizada em uma turma do 7º ano do ensino fundamental 2 em uma escola particular de Niterói (RJ). A turma em questão estudava remotamente e, no período em que a atividade foi aplicada, estava pouco engajada. O assunto trabalhado na atividade era biotecnologia, na disciplina de ciências. 

Uma das minhas motivações era propor o conteúdo de forma que despertasse o interesse desses alunos. O conteúdo de biotecnologia é por si só muito interessante, mas dependendo do contexto em que estão acontecendo as aulas, é possível não envolver os alunos significativamente e aquele ser só mais um assunto. 

Para minha surpresa, a interação foi incrível. No momento da aula, os alunos receberam o material, exploraram o que ali continha. Ao término da aula, grande parte da turma havia terminado os exercícios de fixação propostos, elogiando a atividade realizada.

O sucesso da proposta e o seu caráter inovador são méritos da forma que a atividade foi aplicada. Nela, o aluno pôde ser autônomo naquilo que estudaria, mesmo que um número “x” de conteúdos já estivessem presentes ali nos slides. Além disso, a experiência estava relacionada a algo comum e popular no dia a dia dos adolescentes, o serviço de streaming. Todos esses fatores foram essenciais para que a atividade se tornasse querida entre eles.

Após a aplicação do “Resumiflix” na minha turma, decidi compartilhar com outros professores por meio da conta de Instagram que administro (@inspiraprof) e observei que eles também obtiveram resultados positivos com seus alunos. A atividade é totalmente adaptável e pode ser utilizada em qualquer disciplina, como você poderá checar no link ao final do texto. O formato é ótimo para trabalhar com sala de aula invertida ou para revisão de um assunto.

O que você precisa para replicar este projeto

Um computador, acesso à internet, acesso ao Google Slides e ao YouTube, além do modelo do “Resumiflix” para customizar.


Luiz Fernando Santos

Especialista em educação básica na modalidade "ensino de biologia" pela  UERJ (Universidade Estadual do Rio de Janeiro), possui graduação em ciências biológicas pela Universo. É professor "Google Certificado", níveis 1 e 2. Atualmente leciona as disciplinas de ciências no ensino fundamental 2 e Projeto de Vida no Ensino Médio, além de ministrar cursos livres e treinamentos para professores sobre tecnologias digitais no ensino.

TAGS

aprendizagem baseada em projetos, ensino fundamental, tecnologia

Cadastre-se para receber notificações
Tipo de notificação
guest
1 Comentário
Mais antigos
Mais recentes Mais votados
Comentários dentro do conteúdo
Ver todos comentários
1
0
É a sua vez de comentar!x
()
x
X